Nesta quinta (30), debate propõe reflexão sobre o cinema como possibilidade de expressão

Em diálogo com as outras artes, programação da 23ª Mostra Tiradentes conta ainda com performance de arte eletrônica e show de samba

Em um país que se assume cada vez mais diverso e conflituoso, o que pode o cinema? É o que se propõe a responder o debate “Cosmopoéticas contra-hegemônicas”, uma das atividades da 23ª Mostra de Cinema de Tiradentes nesta quinta (30). O encontro propõe um debate sobre obras, filmes e poéticas atravessados por valores, crenças, vivências e percepções de mundo que constituem o que podemos chamar de cosmovisões ameríndias e da diáspora afroatlântica.

Estarão reunidas a artista visual e mestranda em psicologia Castiel Vitorino Brasileiro (ES); a cineasta e professora Clarisse Alvarenga (MG) e a pesquisadora e curadora Janaína Oliveira (RJ) para discutir o cinema como forma de expressão e intervenção de forças disruptivas que desafiam o imaginário do poder. O debate com mediação da curadora Tatiana Carvalho Costa (MG) será realizado às 15h, no Cine-Teatro Sesi.

Realizadores e público em diálogo

Na série Encontro com os Filmes, entram em pauta longas-metragens da Mostra Aurora, exibidos na noite de quarta-feira (29). Às 10h, acontece o debate sobre o filme “Cadê Edson?” (DF), com a presença da diretora Dácia Ibiapina e convidados, a participação do crítico Aiano Bemfica (MG). Às 11h15, é a vez do bate-papo sobre o longa “Canto dos Ossos” (CE/RJ), com representantes da produção e a presença da crítica Maria Trika (MG).

O público assíduo que tem lotado o Cine-Teatro Sesi poderá conferir ainda, às 12h30, a conversa sobre os curtas da Mostra Foco – Série 3, com a presença dos diretores e convidados. “A Barca” (AL), “Calmaria” (MG) e “Perifericu” (SP). A mediação dos três encontros será feita pelo crítico e jornalista Marcelo Miranda (MG).

Samba e outros ritmos no Sesc Cine-Lounge

Em parceria com o Sesc, a programação da 23ª Mostra Tiradentes oferece para o público atrações artísticas que agitam as noites do Sesc Cine-Lounge. Das 15h às 0h, o espaço recebe Festival Timeline – Festival de Arte Eletrônica. Realizado há cinco anos em Belo Horizonte, o Festival apresenta uma seleção de trabalhos que refletem a produção contemporânea brasileira, com novas formas para o cinema e convergências que surgem nos diálogos com outros meios artísticos. Nas picapes e projeções, estarão os VJ’s Pedro Pedro e Romana e a VJ Carou Araújo.

E, a partir da 0h, sobe ao palco uma das grandes vozes do samba mineiro, a cantora Adriana Araújo. Nascida na comunidade da Pedreira Prado Lopes, na região da Lagoinha, a artista tem se destacado como um dos grandes talentos da atual geração. Mantendo viva a tradição deste gênero musical que é símbolo da identidade brasileira e, principalmente, da relevante contribuição cultural da população negra, Adriana Araújo prepara seu primeiro álbum intitulado “Minha Verdade”.

SOBRE A MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES

Maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão realizado no país. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em pré-estreias nacionais, de longas, curtas e um média – uma trajetória rica e abrangente que ocupa lugar de destaque no centro da história do audiovisual e no circuito de festivais realizados no Brasil.

Trata-se de um programa audiovisual que reúne todas as manifestações da arte numa programação cultural abrangente oferecida gratuitamente ao público que prevê a exibição de 113 filmes brasileiros em pré-estreias nacionais, 53 sessões de cinema, homenagens, oficinas, debates, seminário, mostrinha de cinema, exposições, lançamento de livros, teatro de rua, shows musicais, performance audiovisual, encontros e diálogos audiovisuais e atrações artísticas.

TODA PROGRAMAÇÃO É OFERECIDA GRATUITAMENTE AO PÚBLICO.

***

Acompanhe o programa Cinema Sem Fronteiras 2020

Participe da Campanha #eufaçoaMostra

Na Web: www.universoproducao.com.br No Twitter: @universoprod

No Facebook: universoproducao / mostratiradentesNo Instagram: @universoproducao

Informações pelo telefone: (31) 3282-2366

Serviço

23ª MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES | 24 de janeiro a 1o de fevereiro de 2020

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

LEI ESTADUAL DE INCENTIVO À CULTURA

Patrocínio: ITAÚ, TAESA, CBMM, PETRA, COPASA, CEMIG, CODEMGE|GOVERNO DE MINAS GERAIS

Parceria Cultural: Sesc em Minas

Apoios: SESI FIEMG, CAFÉ 3 CORAÇÕES, MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES, OI, DOT, MISTIKA, CTAV, CIA/NAYMAR, CINECOLOR, THE END POST, CANAL BRASIL, CANAL CURTA, REDE GLOBO MINAS, PREFEITURA DE TIRADENTES, POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS.

Idealização e realização: UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E TURISMO | GOVERNO DE MINAS GERAIS

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA, MINISTÉRIO DA CIDADANIA – GOVERNO FEDERAL|ORDEM E PROGRESSO

LOCAIS DE REALIZAÇÃO DO EVENTO

Centro Cultural Sesiminas Yves Alves

Largo das Fôrras

Largo da Rodoviária

Escola Estadual Basílico da Gama

Espaço Cultural Aimorés

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *