Hospital Cruz Verde arrecada mais de R$1 milhão na edição 2019 de Leilão Beneficente

São Paulo, setembro de 2019 – A 12ª edição do Leilão Beneficente – Arte Moderna e Contemporânea do Hospital Cruz Verde, realizado no dia 28 de agosto no restaurante Iulia, em São Paulo, obteve recorde de arrecadação. Mais de R$ 1 milhão foi angariado em prol do atendimento e tratamento de pacientes com paralisia cerebral grave. Quase 40 itens, entre obras de artes e experiências, foram arrematados durante o evento. O grande destaque foi o quadro do artista plástico Vik Muniz, vendido por R$100 mil. Os itens foram doados por colecionadores, galerias de arte e empresários que se solidarizaram com a causa.

Sobre o Hospital Cruz Verde

Fundado há 61 anos, o Hospital Cruz Verde é referência no tratamento de paralisia cerebral grave para a América Latina, e recebe recursos públicos que cobrem cerca de 60% de suas despesas. Para manter as atividades e atendimento de alta qualidade no Hospital e no Ambulatório, além da manutenção das salas de reabilitação, consultório odontológico e piscina aquecida, a Cruz Verde conta com outras formas de arrecadação por meio de doações e realização de eventos. O Hospital recebe pacientes com sérias lesões neurológicas e agravos clínicos associados. Na quase totalidade dos casos, os internos vêm de famílias com renda insuficiente e crianças abandonadas.

O Cruz Verde presta assistência integral, fornecendo alimentação com dietas específicas, medicamentos, vestuário, instalações apropriadas, instrumentos e equipamentos especiais e adaptados às necessidades de cada um, numa proposta de atendimento individualizado. O paciente tem acesso a uma equipe multidisciplinar que envolve neuropediatra, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, psicólogo, fonoaudióloga e algumas vezes professores especializados. Escola, hidroterapia e passeios externos incluem a programação. Como a maior parte dos internos não apresenta condições de reabilitação, além de muitos agravantes clínicos, a permanência no hospital é até o óbito. O ambulatório realiza em média 150 consultas pré-agendadas, onde o paciente passa por uma triagem neurológica para avaliar os déficits motores ligados ao desenvolvimento motor, e o déficit cognitivo, relacionados ao desenvolvimento mental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *